Como controlar horas extras

22/7/22

Será que a realização de horas extras pelos colaboradores da sua empresa é benéfica para os resultados gerais no fim do dia? Antigamente, isso era verdade, mas hoje não é necessariamente algo bom ter excesso de horas extras dentro do ambiente corporativo.

O excesso de horas dos trabalhadores não significa que eles estão produzindo mais, em alguns casos isso acontece, mas na maioria das vezes, esse excesso não demonstra produtividade a mais e sim, falta de planejamento da jornada de trabalho.

Muitas vezes, gestores consideram que essas horas extraordinárias só afetam o orçamento da empresa, mas o profissional que cumpre essas horas também se sente sobrecarregado e desmotivado, afetando sua qualidade e bem-estar.

O excesso de horas extras pode implicar no desgaste da relação entre empresa e funcionários, além de trazer a queda de produtividade dos colaboradores. Por isso, falaremos hoje sobre 3 dicas de como controlar horas extras para você que é gestor ou dono de empresa. Boa leitura!

1- Crie uma política de horas extras

As horas extras algumas vezes são inevitáveis, então o que é possível fazer para transformar essas horas em algo que diminua o orçamento da empresa e ao mesmo tempo ajude o seu colaborador? Para realizar isso, uma boa sugestão seria criar uma política de horas extras com base na troca desse crédito de trabalho por benefícios, levando em conta as leis trabalhistas vigentes e acordos e convenções com sindicatos.

A implementação de algumas estratégias, como o banco de horas, pode fazer com que as duas partes sejam contempladas de forma interessante. Atualmente, O regime de banco de horas pode ser definido por acordo coletivo ou convenção coletiva, na qual envolve o sindicato, ou por acordo individual, apenas entre empregador e empregado. Desta forma, a acumulação de horas extras pode se transformar em folgas para resolução de problemas particulares, tempo com a família ou viagens.

Entretanto, é sempre importante observar o que a legislação diz. O máximo de horas excedentes em um dia é de duas horas, salvo regime de escalas, seu pagamento deve ser pelo menos 50% maior que o valor da hora normal.

2- Use a tecnologia para automatizar processos  

Quanto maior a organização e menor o número de tarefas, mais produtivo será o ambiente, lógico, não é mesmo? Por isso, sempre que for possível, automatize atividades burocráticas e que não necessitem do trabalho manual dos seus colaboradores. A tecnologia pode diminuir o número de tarefas e maximizar a qualidade dos processos realizados pelos funcionários, assim trazendo uma maior produtividade por hora e evitando o excesso de horas extras.

3- Controle por meio do ponto eletrônico online Ponto Soft

Saber quando o seu colaborador bate o ponto e poder acompanhar a jornada de trabalho completa em tempo real é fundamental para evitar o excesso de horas extras. Uma boa gestão de pessoas ajuda tanto a empresa quanto seus colaboradores.

O Ponto Soft permite o controle da jornada de trabalho de todos os colaboradores da empresa por meio da gestão online em nuvem. Os gestores podem acessar a plataforma pelos dispositivos mobile ou o próprio desktop e acompanhar todos dados em tempo real sobre a entrada, localização, justificativas relacionadas a jornada de trabalho, horas de cada funcionário etc.

O acompanhamento e trabalho de análise de horas pode ajudar os gestores a decidirem as melhores estratégias para evitar as horas extras e aumentar a produtividade dos funcionários. Além de existir um próprio banco de horas projetado para os colaborardes e dados sobre a jornada.  

Além disso, com o Ponto Soft a gestão de frequência fica mais transparente para o funcionário, que pode acompanhar seu saldo de extras, marcações e realizar justificativas pelo aplicativo. O gestor também tem maior acesso a informações de seus funcionários, já que pode consultar seus espelhos de ponto e aprovar solicitações no APP.

O Ponto Soft funciona como um aliado a gestão de jornada empresarial e funciona para melhorar a vida tanto de gestores quanto funcionários. Para saber mais sobre o serviço, entre em contato e peça um teste grátis. A Insoft4 agradece a leitura!

Confira outros artigos

Ponto eletronico facial segurança

Ponto Eletrônico Facial é Seguro?

Continuar Lendo
REP-P

As Vantagens do REP-P: 6 Razões para Adotar Este Sistema Moderno de Controle de Ponto

Continuar Lendo
Inteligência Artificial no RH

A Revolução da Inteligência Artificial no Setor de Recursos Humanos

Continuar Lendo
A Insoft4

A Insoft4 está há mais de 20 anos desenvolvendo soluções completas para controle de ponto eletrônico e acesso para empresas de todos os portes e segmentos do mercado.

Conheça o blog da Insoft4

Sejam indústrias, hospitais, universidades, redes de varejo e muito mais, a Insoft4 tem o produto ideal para facilitar as tarefas de RH e garantir mais segurança e simplicidade para as rotinas de acesso de cada negócio.

Movida pelos objetivos de inovar e crescer, a empresa sempre priorizou ter em sua
equipe profissionais especialistas e em constante atualização de conhecimentos.

Disponibilizamos não apenas produtos de excelente qualidade, mas também um serviço completo em todos os sentidos para os clientes.

Ilustração de relógio
Receba nossas novidades
OK - Email cadastrado!
Oops! Algo está errado.