Como fazer um cálculo de férias simples?

Calendários e um post it com desenho de praia
11/10/22

Ter que levar em conta se as férias são integrais ou proporcionais, o valor adicional de férias, descontos de INSS, Imposto de Renda e outros fatores para realizar os cálculos de férias pode ser trabalhoso e confundir você.

Foi por isso que o pessoal da Insoft4 separou um assunto bem interessante para o artigo de hoje. Fique até o final e descubra como fazer o cálculo de férias simples a partir de passos bem práticos. Boa leitura!

O cálculo de férias dos funcionários em 2022

A realização do cálculo de férias não é um bicho de sete cabeças, como muitas pessoas pensam. O cálculo só precisa de dois dados: A remuneração média bruta do trabalhador no último ano e o valor de 1/3 desse salário.

O resultado do acréscimo de 1/3 sobre a última remuneração do funcionário é quanto ele vai receber pelo período completo das suas férias.

Porém, existem alguns fatores que podem complicar essa regrinha simples, mas que com a devida atenção fica fácil de entender como calcular. Dentre os fatores estão:

  • Período inferior de tempo de férias;
  • Horas extras;
  • Percentual de descontos de IRRF e INSS;
  • Comissões;
  • Adicionais noturnos;
  • Antecipação do décimo terceiro.  

Agora, fique com o passo a passo do cálculo de férias simples.

Guia de como calcular férias simples

1. Descubra a média do salário bruto do funcionário no último ano

O primeiro passo é simples! Descubra a média de salário do colaborador ao longo dos últimos 12 meses, contando com horas extras e comissões.

Alguns acordos e convenções coletivas podem modificar esse período para 6 meses, tome cuidado!

2. Verifique quanto é 1/3 do salário bruto mensal do primeiro passo

Com a média do salário bruto anual em mãos, faça uma conta simples de divisão por 3. Após o resultado, só some o número que apareceu ao salário bruto mensal e você terá a remuneração bruta das férias.

3. Calcule os descontos das férias

Vamos utilizar um salário bruto mensal como exemplo para um entendimento mais completo. Escolhemos um salário bruto mensal de R$ 3.000,00 por mês. Com o adicional de 1/3, ele vai para R$ 4.000,00.

Tendo o resultado completo feito, é necessário calcular os descontos da Receita Federal (15%) e da Previdência Social (10,5%). *Números do ano de 2022

Valores nesse caso: IRRF - R$ 601,29 e INSS – R$ 428,93.

4. Diminua o salário bruto com o número achado no cálculo de descontos

Por fim, você só precisa pegar o salário bruto (nesse caso R$ 4.000,00) e diminuí-lo pelo valor total de descontos (R$ 601,29), para chegar ao valor das férias do colaborador (R$ 3.398,71).

Esperamos que tenha gostado do assunto! Se você quer acompanhar mais conteúdos como esse, fique ligado no nosso blog. Obrigado pela leitura!

Confira outros artigos

REP-P

As Vantagens do REP-P: 6 Razões para Adotar Este Sistema Moderno de Controle de Ponto

Continuar Lendo
Inteligência Artificial no RH

A Revolução da Inteligência Artificial no Setor de Recursos Humanos

Continuar Lendo
Controle de Ponto no Home Office

Controle de Ponto no Home Office: Normas e Funcionamento

Continuar Lendo
A Insoft4

A Insoft4 está há mais de 20 anos desenvolvendo soluções completas para controle de ponto eletrônico e acesso para empresas de todos os portes e segmentos do mercado.

Conheça o blog da Insoft4

Sejam indústrias, hospitais, universidades, redes de varejo e muito mais, a Insoft4 tem o produto ideal para facilitar as tarefas de RH e garantir mais segurança e simplicidade para as rotinas de acesso de cada negócio.

Movida pelos objetivos de inovar e crescer, a empresa sempre priorizou ter em sua
equipe profissionais especialistas e em constante atualização de conhecimentos.

Disponibilizamos não apenas produtos de excelente qualidade, mas também um serviço completo em todos os sentidos para os clientes.

Ilustração de relógio
Receba nossas novidades
OK - Email cadastrado!
Oops! Algo está errado.